O que é cervicalgia?
    Quais são as causas da dor cervical?
    Quais são os sintomas mais comuns?
    Como é feito o diagnóstico da cervicalgia?
Clique nas perguntas ao lado >>   Qual o tratamento da dor cervical?
    Quando a cirurgia é necessária?
    Como é feita a reabilitação do paciente com cervicalgia?
 

Quais são as causas da dor cervical?

O dia-a-dia: As contraturas e distensões são as causas mais comuns de dor cervical. Má postura, obesidade e a fraqueza abdominal entre outros fatores, causam um desbalanço em toda a coluna vertebral fazendo com que a cabeça penda para frente numa tentativa de compensação.

O stress as tensões emocionais aumentam a tensão dos músculos tornando-os mais propensos à contratura resultando em rigidez e dor.

Envelhecimento: Doenças degenerativas como a osteoartrose, estenose do canal vertebral e a doença degenerativa discal afetam as funções da coluna. A osteoartrose é doença articular comum que causa deterioração progressiva da cartilagem e a formação óssea reacional chamada osteófito ou “bico de papagaio” causando limitação de movimento e dor.

A estenose é o estreitamento do canal vertebral que provoca compressão nervosa podendo causar dores no pescoço, ombro e braço e “adormecimentos” quando os nervos estão funcionando normalmente.

A doença degenerativa discal (DDD) acontece quando ocorre a desidratação anormal dos discos vertebrais e sua conseqüente perda de altura e elasticidade, podendo com o tempo herniar e causar compressão nervosa.

Acidentes e lesões: um movimento brusco e forçado da cabeça ou do pescoço em qualquer direção e sua reação na direção contrária é conhecido como “lesão em chicote”.

É uma lesão em hiperextensão e/ou hiperflexão que afeta músculos e ligamentos do pescoço gerando lesões que causarão dor , limitação funcional e até comprometimento neurológico em casos graves. A causa mais comum da lesão em chicote é o acidente automobilístico.

Outras Doenças: Quando a dor se prolonga ou há sinais neurológicos, como alterações de sensibilidade e/ou de força muscular por exemplo, pode haver algo mais sério. Infecções na coluna, compressões da medula espinhal, tumores, fraturas e outras patologias podem ocorrer.

__________________________________________________________________________

<< anterior ______________________________________________________ proxíma >>